16 de fevereiro de 2009

JUIZA DEVE PEDIR INTERDIÇÃO DO PRESÍDIO FEMININO

A Juiza Maria de Fátima Barros, da Vara de Execuções, afirmou na manhã desta segunda-feira, 16, que deve mandar interditar o Presídio Feminino, no bairro América. A superlotação é um dos principais problemas. Atualmente, a unidade prisional abriga 105 internas, quando a capacidade total, entre regimes aberto e semi-aberto, é para 40. A juiza fez uma visita de inspeção e constatou as condições precárias em que as presas vivem. Entre as principais reclamações das detentas estão as dificuldades que elas têm para tratar de problemas de saúde , a alimentação, que segundo elas, é de péssima qualidade e a constante falta de água.
Elas também reclamam do longo tempo de espera para participar das audiências.

Ainda no final do mês passado, uma fuga de três delas foi registrada, mas, o DESIPE(Departamento do Sistema Prisional) escondeu a informação. Elas serraram os cadeados da tranca, parte da grade do segundo portão e ganharam a liberdade. Elas são(da esquerda para a direira): JAILMA DOS SANTOS, 34, JEANE SANTOS SOUZA, 23, E KALINE DE FÁTIMA OLIVEIRA, 30, e ainda continuam foragidas.
Acompanhe a entervista com a juiza.

FOTOS E ENTREVISTA: EVENILSON SANTANA
video

Nenhum comentário: